• drafernandacalil

Os vasos sanguíneos inflamam?

Sim! Vasculite é o nome que se dá a um grupo de inúmeras doenças diferentes que têm, em comum, a inflamação da parede dos vasos sanguíneos, sejam artérias ou veias de pequeno, médio ou grande calibre. Como consequência do processo inflamatório, as paredes se tornam mais grossas e atraem células do sistema de defesa do organismo que se acumulam no interior do vaso. Essa reação pode provocar um estreitamento (estenose) que dificulta a passagem do sangue ou interrompe completamente o fluxo sanguíneo. Quando isso ocorre, os tecidos e órgãos irrigados pelos vasos inflamados deixam de receber o sangue necessário para sua sobrevivência.


Uma vez afetado um vaso, a probabilidade maior é que, dali em diante, apresente alterações em sua estrutura, tais como o enfraquecimento da parede, que predispõe à formação de aneurismas e hemorragias, ou o aumento definitivo de sua espessura.

Os sintomas das vasculites variam de acordo com os vasos comprometidos pela inflamação e os órgãos afetados (rins, articulações, sistema nervoso central e vias respiratórias). Nas fases iniciais, costumam ser inespecíficos, ou seja, são semelhantes aos provocados por vários outros quadros inflamatórios.

O objetivo do tratamento da vasculite é reduzir a inflamação nos vasos sanguíneos. Ele varia de acordo com o tipo e gravidade da doença e as condições do órgão afetado. Em alguns casos, a enfermidade é autolimitada e desaparece espontaneamente. As vezes, é necessário tratamento contínuo.




5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo